Destaques

Domingo estive – como durante todo o campeonato – no Palestra para torcer pelo meu time do coração. O que vi me deixou ainda mais entristecido. Pareciam vários burocratas, daqueles de repartição pública, batendo os seus carimbos e esperando a hora do expediente acabar. Salvaram-se, como de costume, alguns abnegados, e como aqui não sou de deixar as coisas no ar, mais uma vez salvaram-se o Santo (aquele que há algumas semanas foi execrado), Pierre e Kleber.

Sobre o jogo escreveu muito bem o Conrado; sobre a sensação que sentimos (os verdadeiros torcedores Palmeirenses) versou com brilhantismo o Barneschi.

* * *

Durante todo o campeonato os ‘consumidores’ leonores se ausentaram do ‘elefante branco’. Até jornalista (o do bem, é claro!) precisou conclamar para que esses diferenciados comparecessem e incentivassem ‘o time do coração’. Nas duas últimas rodadas eles voltaram. Lá estão, de maneira oportunista para colher os frutos daquilo que não ajudaram a plantar. Nas ruas uma infestação de camisas tricolores, coisa que eu não via há meses, desde a derrota do time Leonor na libertadores. Gente que não sabe nem o caminho para o estádio de seu time, o preço do ingresso, muito menos que um arremesso lateral se efetua com as mãos, se dá ao direito de – como um sorriso cínico, de canto de boca – tentar falar comigo sobre futebol. Para esses o meu desprezo.

O Barneschi tem coisas escritas sobre isso. Leia aqui e aqui.

* * *

Quando por aqui (na mídia Palestrina) levantamos a lebre de que pode haver algo mais que apenas coincidências no fato do apito beneficiar sempre um mesmo lado, aliás esse Blog nasceu com um texto sobre isso [releia aqui], dizem que somos apenas blogues de torcedores, não podemos ser levados em consideração, que falamos com a paixão, que escrevemos como o coração. Invariavelmente, quando isso acontece, vem aquele velho chavão de que se erra para todos os lados e que, para podermos continuar confiando e apreciando futebol, temos que crer que os erros são normais (é mais um consenso nos sendo empurrado goela abaixo). Pois bem, os blogues de ‘jornalistas’, lógico que sempre aqueles ‘do bem’, agora – não sei (acho que sei) a troco de quê – dizem que há conflito de interesses quando um jogador com pré-contrato assinado com clube X (no caso o Palmeiras) irá enfrentar o clube X (no caso o Palmeiras). Coisa de gente sem caráter e irresponsável, pois quem – a partir do que foi dito – está na berlinda é uma jovem promessa, que não deve ter mais que 20 anos de idade. Se não jogar o ‘menino’ será tratado como pipoqueiro, traíra etc., se o fizer e não jogar bem é porque é um vendido – não o fez para benefício próprio.

O OV e o Opinião Verde têm visões muito interessantes sobre o fato.

* * *

Diminuindo o ritmo, pois o cansaço, mas além disso uma sensação de profunda tristeza, me impede de escrever com mais freqüência. Em breve, como bom torcedor, como bom Palestrino, voltarei ao normal. É só terem um bocado de paciência.

O Rapha já está se recuperando.

FORZA PALESTRA!

2 Respostas to “Destaques”

  1. Raphael Says:

    Que bom que estás por aqui, Carca Mano! Não abandone o barco, jamais!Já estava aqui me perguntando: “Onde está você, Ademir Ovídeo?”

  2. Catedraldeluz Says:

    Torcida de “Guerreiros Highlanders”. Todos imortais. Assim como Raphael e Barneschi, você também é invencível.Parabéns pela fidelidade!”Construir para poder conquistar! Acreditar sempre!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: