Sempre ele

O ‘boca nervosa’ Guilherme Beltrão (who?) ataca novamente. Aquele que exigiu um árbitro estrangeiro para os confrontos contra o Palmeiras é o primeiro a chiar quando o árbitro – agentino, vejam só! – é o escalado para o confronto.

É a desculpa antecipada sendo preparada.

Cala a boca Magda!

Árbitro de Palmeiras e Sport é o que mais preocupa Beltrão

Recife (PE)

Antes do duelo entre Sport e Palmeiras na Ilha do Retiro, pela fase de grupos da Copa Libertadores da América, uma grande polêmica se instalou: pernambucanos queriam um árbitro estrangeiro, enquanto os paulistas desejavam um brasileiro para homem do apito. Na ocasião, a Conmebol escalou o paraguaio Carlos Torres para cuidar da disciplina do jogo. Agora, nas oitavas de final do torneio continental, as equipes voltam a se encontrar e o juiz escalado é o argentino Sergio Pezzotta, o que preocupa bastante Guilherme Beltrão, vice-presidente de futebol do Sport.

“O nome dele (Pezzotta) está ligado a casos de subornos e não tem condutas adequadas quanto ao racismo dentro das partidas. Ele é a minha maior preocupação para o jogo, pois tem um retrospecto pouco favorável”, afirma Beltrão.

Mesmo não tendo vencido o Palmeiras na Libertadores deste ano, o Sport se mostra muito confiante para o duelo decisivo. “Sabemos do nosso potencial e espero que o árbitro não atrapalhe o futebol”, disse o dirigente do Leão.

Do ano passado para cá, o duelo entre Palmeiras e Sport virou quase um clássico. Isso porque na Copa do Brasil de 2008, o Leão eliminou o Verdão da competição. No Brasileiro do mesmo ano, o time de Nelsinho Baptista derrotou o Alviverde nos jogos de ida e volta. Já na atual temporada, os paulistas venceram o Rubro-negro pernambucano na Ilha do Retiro e empataram no Palestra Itália, jogos válidos pela Copa Libertadores da América.

Agora, Palmeiras e Sport se encontram novamente nas oitavas de final do torneio continental de clubes. A primeira partida será no Palestra Itália, nesta terça-feira, às 21 horas e será arbitrada, para infelicidade dos pernambucanos, por Sergio Pezzotta.

Aqueles que arrotam modernidade, aqueles que querem que sigamos o exemplo ‘DAZEURÓPIA’, são os mesmos que dão espaço para esse idiota.

Amanhã ou segunda tenho certeza que Cosme Rímoli dará, mais uma vez, espaço para esse insignificante. Isso se chama audiência a qualquer custo.

É o ocaso do jornalismo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: