2010! O fim da década perdida.

Por: Marco Néspoli

Final de 2010. Final da década perdida. Não tem como fazer uma retrospectiva do Palmeiras em 2010 sem analisar tudo que ocorreu nessa década e na anterior a essa. A falta de planejamento, o jogo sujo do poder, os interesses pessoais em detrimento aos interesses da instituição, tudo isso, junto ao EGO-ismo dos dirigentes, levou o clube ao ostracismo. Todos os nomes que dirigiram o Palmeiras nesse período de fracasso são os mesmos que ainda hoje tentam ‘mamar nas tetas’ do clube. Na verdade são os mesmos nomes e sobrenomes que estão no clube desde sua fundação em 1914, ora como situação – ora como oposição – como se fossem crianças mimadas brigando pra ver quem é o dono da bola.

Na década de 90 o Palmeiras chegou a finais em todos os campeonatos que disputou – Paulistão, Copa do Brasil, Rio-São Paulo, Brasileirão, Mercosul e Mundial. Essas finais foram disputadas em todos os anos, de 1992 a 2000, quando todo o planejamento era feito pela parceira. Nesse período, vitórias e derrotas memoráveis aconteceram. O título paulista de 1993 em cima do arqui-rival Corinthians (0 x 1 e 4 x 0), a eliminação nas quartas de final da Libertadores de 1995 contra o Grêmio (0 x 5 e 5 x 1),  a espetacular virada contra o Flamengo nas quartas de final da Copa do Brasil em 1999 e, pra finalizar, o Título da Libertadores da América em 1999.

Em 13 de Junho de 2001 o Palmeiras era eliminado nos penais, em pleno Palestra Italia, pelo Boca Juniors, nas semi finais da Taça Libertadores da América, após dois empates em 2 x 2; tinha então inicio a década perdida. Essa foi a última grande derrota do Campeão do Século XX, resquício ainda do planejamento da década anterior quando clube era administrado pela parceira. Nessa década o Palmeiras foi, apenas, duas vezes campeão. Campeão Brasileiro da série B em 2003 e Campeão Paulista em 2008. Colecionou ainda uma série de derrotas para equipes inexpressivas no cenário nacional como Paulista, Santo André, Ipatinga, Sport, Atlético GO e Goiás.

Pra finalizar a década perdida, em 2010 o Palmeiras terminou o Campeonato Paulista na 11ª colocação, atrás de equipes como Ponte Preta, Oeste, São Caetano, Portuguesa e Botafogo. Na Copa do Brasil foi eliminado pelo Atlético GO, na Copa Sulamericana foi eliminado pelo Goiás; terminou o Brasileirão na 10ª posição.

O Futuro

O torcedor do Palmeiras não aguenta mais tanto vexame e é o único que pode mudar os rumos do clube. Muitas mobilizações têm sido feitas em torno do voto direto para presidência e para isso o torcedor precisa se associar ao Palmeiras. Em janeiro de 2011 as eleições para a presidência do clube irão pegar fogo e Paulo Nobre, apesar de avisar que não é mágico, é o único candidato que tem em seu Plano de Governo a pretensão de que isso ocorra, além, é claro, de instituir a profissionalização de todos os departamentos do Palmeiras.

Torcedor, 2011 será o inicio de um ciclo vitorioso que fará o Palmeiras Campeão do Século XXI, por isso, se você deseja ajudar a hora é essa, associe-se. E você que já é sócio vote em quem quer o bem do Palmeiras e não nos que querem ser dono da bola.

Marco Néspoli é candidato ao Conselho do Palmeiras pelo grupo Fanfulla.

Para conhecer mais e debater as propostas que ele tem, entre em contato via email ou msn: nespoli@gmail.com. Siga-o também no twitter @marconespoli

_____________________

Esse é um artigo assinado. Ele não representa, necessariamente, a opinião do blogue.

Tags:

3 Respostas to “2010! O fim da década perdida.”

  1. Washington Says:

    Mto bom texto!! É isso ai mesmo Nespoli, não podemos mais ficar vendo o bonde passar e a velharada que comanda o clube ficar!

    Fiquem socios!!!

  2. Nespoli Says:

    Ademir,

    o texto precisa de uma correção:

    O confronto contra o Grêmio pela Libertadores de 1995 foi pelas quartas de final e não semi-final, e o confronto com o Flamengo foi pelas quartas de final da Copa do Brasil de 1999 e não de 1995.

  3. raul Says:

    Grande orelha (desculpe te chamar assim, mas porra, foi assim que te conhecí),
    É isso aí cara, definitivamente não aguentamos mais tantos fracassos, chegou a hora de voltarmos a ser grandes e conquistar os títulos. Torço muito para que uma nova mentalidade seja implantada no clube, e que torcedores oriundos das arquibancadas tenham oportunidade de tocarem o nosso barco que há tempos está à deriva. O verde dos verdes apoia vcs, e por mais que eu não possa votar, na minha familia tem associados e esse votarão em vcs com certeza. Ano que vem vou me associar, pois quero fazer parte da mudança que dessa vez vai acontecer.
    Feliz natal irmão tudo de bom!!!!!!!!
    Abraço!!!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: